Projeto de Extensão: Desenvolvimento de Atividades Acadêmicas Complementares na Escola Estadual de Ouro Preto

Entre os meses de fevereiro e agosto de 2017, o PET Farmácia promoveu atividades complementares com os alunos regularmente matriculados nos 7º e 8º anos do Ensino Fundamental da Escola Estadual de Ouro Preto (Escola Polivalente).

Com os objetivos de despertar o interesse nos alunos em estar na escola, reduzir as taxas de evasão escolar, instigar o interesse pelo conhecimento e contribuir para a construção de uma educação de qualidade, foram preparadas formas criativas de compreensão do conteúdo programático da disciplina Ciências. Além disso, o projeto visou apresentar ideias de trabalhos que pudessem ser apresentados pelos alunos durante a feira anual de ciências da Escola Polivalente. Ao longo de seis meses, o grupo PET Farmácia organizou 10 encontros com os alunos, oferecendo atividades teóricas e práticas relacionadas com os temas "Densidade" e "Corpo Humano".

Dentre as atividades teóricas estão aulas expositivas sobre os respectivos temas utilizando recursos audiovisuais, como a projeção de imagens e animações. Já as atividades práticas contaram com uma gincana "boia ou afunda", jogos online no laboratório de informática da escola, experimentos simulando o funcionamento do corpo humano, e também de uma visita guiada ao Laboratório de Anatomia Humana da UFOP.

Ao fim dos encontros foram aplicados questionários de avaliação para alguns dos representantes da escola (n=4) e também aos alunos participantes do projeto (n=28). 96,4% dos alunos gostaram das atividades e 82,1% afirmaram ter aprendido com as atividades. Já os funcionários da escola, em sua totalidade, afirmaram ter percebido que os alunos apresentaram interesse durante as atividades e que o PET Farmácia estimulou o interesse dos alunos em estar no ambiente escolar. Além disso, quando questionados sobre a possibilidade de utilizar alguma das atividades na feira de ciências, 75,1% dos alunos afirmaram que fariam algo ensinado pelo grupo PET durante o projeto.

Agradecemos à Pró-Reitoria de Extensão da UFOP pelo apoio. Agradecemos também ao Professor Frank Bezerra e a Ana Carla Bandeira, coordenador e técnica do Laboratório de Anatomia Humana da UFOP, respectivamente, bem como os monitores do laboratório pela disponibilidade e colaboração.